segunda-feira, 1 de junho de 2015

Entrevista - Tais Cortez

     
      1. Quando se envolveu com a escrita?

Eu me envolvi com a escrita desde muito cedo. Lembro que, na quarta série, comecei a escrever uma história nas folhas do meu caderno, e costumava mostrar   a minhas amigas, que adoravam. Gostava também de escrever poesias e, quando tinha algo na cabeça, não conseguia dormir até colocar no papel.

      2. O que você quer passar para seus leitores?

Quando escrevo, faço isso, primeiramente, para mim. Eu me emociono, divirto e envolvo por minhas histórias. Escrever me faz bem. No entanto, também quero passar boas mensagens e valores através dos meus livros.

      3. Sabendo que nos dias de hoje os jovens tem se interessado mais pela leitura, qual é o seu público alvo?

Meu público alvo são jovens mulheres, de doze a trinta anos.

      4. Conte como foi sua experiência de começar a escrever livros.

Comecei a escrever meu primeiro livro na quarta série, mas nunca cheguei a publicá-lo. Aos quatorze anos, escrevi e terminei um livro, porém não gostei do resultado e decidi não publicá-lo. Foi apenas muitos anos depois, com Golfinhos e e Tubarões, que escrevi algo que considerei muito bom e despertou em mim o desejo de compartilhar com outros leitores.

      5. Dizem que os personagens dos livros têm um pouco do autor. O que tem no seu livro sobre você? Por quê?

Eu concordo com essa afirmação. Todos os meus protagonistas, masculinos e femininos, têm um pouco de mim. Eles têm personalidade forte, são corajosos, determinados e um pouco impulsivos, e também valorizam e gostam de estar perto de seus amigos.

      6. Quais seus autores e livros favoritos?

Meu autores preferidos são Pedro Bandeira, José de Alencar, J. K. Rowling, Jane Austen, Stephanie Meyer e Nicholas Sparks. Meus livros favoritos são A Marca de uma lágrima, a saga Harry Potter e Crepúsculo.

      7. Quais são seus próximos projetos?

Estou terminando de revisar meu terceiro livro e em breve começarei a trabalhar na continuação de Golfinhos e Tubarões. Depois disso,  planejo escrever um romance com suspense e uma trilogia do gênero comédia romântica.

      8. Qual é a sensação de saber que estão lendo seus livros? Qual é a sensação de ter seu trabalho reconhecido?

É uma sensação incrível saber que outras pessoas lêem e gostam dos meus livros. E é muito especial perceber que algo que você criou com tanto carinho conquistou o carinho e a admiração dos outros.

      9. Quando era criança, você pensava em escrever um livro?

Sempre gostei de escrever, mas não lembro de pensar em publicar o livro.

      10. Você em um novo projeto pensou em basear memórias de sua vida pessoal que não tenha falado para ninguém e publicar em um livro?

Não rss...acho que isso seria algo pessoal demais para compartilhar. Prefiro manter minha vida pessoal mais reservada.

      11. O que, hoje, seu trabalho como escritora mudou sua vida?

Depois que eu publiquei meus livros, passei a tomar mais conhecimento sobre o mercado editorial brasileiro, sobre a quantidade de obras nacionais e sobre a dificuldade que um autor brasileiro enfrenta. Também conheci muitas blogueiras, que me ajudam muito com divulgação. Além disso, preciso achar tempo para me dedica a divulgação, eventos literários e escrever, pois ainda tenho meu trabalho que não tem nada a ver com essa área (trabalho como gerente de conta em uma empresa de tecnologia chamada Cisco).



      12. Como vê sua vida hoje? Está feliz, satisfeita ou quer algo mais?

Estou  feliz, sim, e satisfeita com o feedback dos leitores. Meus livros têm agradado muitas pessoas e isso me deixa muito agradecida. No entanto, acredito que querer algo mais é inevitável,  independente de quem você seja ou do que já tenha conquistado. Meu desejo é conseguir publicar meus livros com uma grande editora que os levará às estantes das grandes livrarias e que me possibilitará alavancar a visibilidade das minhas obras.

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Olá, Mirela

    Obrigada pela entrevista.
    Gostei bastante e espero q vc tb tenha curtido :)
    Seu blog está uma graça!
    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Legal sua entrevista!
    Gostei!
    Posso compartilhar essa ideia de entrevistas no meu blog?
    É uma otima maneira de interagir mais no blog e conhecer mais os autores que lemos!!

    www.devoreumlivroeoufilme.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazer entrevistas é uma maneira de conhecer mais os escritores... E pra quem quer começar a escrever é uma grande ajuda...

      Excluir


Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©